Ver ecrão inteiro

*Theka: Selecionada para o Mercado Internacional de Arte Performativa – MASA, Abidjan*

Num processo de grande concorrência, a obra coreográfica estreada na 7ª edição do KINANI “THEKA” foi selecionada para fazer parte da programação da 11ª edição do Mercado Internacional de Arte Performativa que terá lugar na cidade de Abidjan, Costa de Marfim, de 7 a 14 de Março. Este, que é considerado um dos maiores mercados de artes do continente africano.

O CAI – “Comité artistique international du MASA” analisou um total de 780 dossiers provenientes de 28 países. Deste número, foram selecionados 82 grupos sendo a companhia THEKA (Moçambique) uma das mais destacadas e selecionadas na categoria de dança.

A obra THEKA surge de um desafio proposto por Quito Tembe aos coreógrafos moçambicanos para inserirem nas suas criações uma nova visão artística que envolve aspectos tradicionais dentro de uma realidade contemporânea.

A resposta deste desafio, foi dado por Idio Chichava e Horácio Macuacua, dois grandes coreógrafos com reconhecimento internacional. Junto da associação de música e dança tradicional “Hodi”, os coreógrafos projectaram uma peça que envolve diversas danças tradicionais africanas sem necessariamente seguir um padrão.

O tradicional no ”Theka” vislumbra -se na perspectiva de proporcionar liberdade de linguagem artística a cada um dos bailarinos que integram a peça, representando no palco aquilo que lhes identifica como pessoa sem necessariamente seguir um padrão pré -estabelecido (a ideia do contemporânea).
O contemporâneo engaja-se ainda na perspectiva de romper com as molduras tradicionais desenvolvendo uma coreografia sem técnicas específicas nem um “corpo ideal”.

THEKA teve a sua estreia internacional no Staatstheater Braunschweig , na Alemanha onde foi bastante aplaudida pelo público local.

Co-produção: Kinani e Theaterformen.
Red: Belarmino A. Lovane.